16 Flares Twitter 0 Facebook 16 16 Flares ×

Identidade é o que nos identifica como únicos no meio da multidão, é muito mais que um número.
O principal problema do ser humano é não ter consciência de sua identidade, ou pior, ter uma identidade deturpada, manchada.

Olhar no espelho e ver-se como fracassado, fraco, derrotado é incapaz é uma coisa terrível. A mensagem de Deus para nós é que somos especiais, vencedores, fortes, campeões. A mensagem do diabo é que você não vencerá, será sempre frustrado, incompetente. A quem você tem dado ouvido, a Deus ou ao diabo?

Pior que você não saber responder é dar autoridade a pessoas que não estão devidamente capacitadas para responder esta pergunta.

Quando se é pequeno e alguém nos pergunta “QUEM É VOCÊ?”, os pais a respondem. Se há algum problema, mental, físico ou emocional, outras pessoas respondem à pergunta por nós.

Jesus tinha consciência sobre sua identidade, mas nem todos aqueles que conviviam ao redor sabiam a real identidade dele.

Jesus partiu com seus discípulos para os povoados de Cesareia de Filipe e, no caminho, perguntou a seus discípulos: “Quem dizem os homens que eu sou?” Eles responderam: “João Batista; outros, Elias; outros, ainda, um dos profetas”. “E vós”, perguntou ele, “quem dizeis que eu sou?” Pedro respondeu: “Tu és o Cristo”. Então, proibiu-os severamente de falar a alguém a seu respeito (Marcos 8,27-30).

 

Jesus não precisava reforçar a própria identidade, pois o Pai já havia abençoado sua identidade. A pergunta era apenas para saber quem os homens e os discípulos diziam quem Ele era. Os discípulos declararam a real identidade de Jesus que Ele já sabia – “Tu és o Cristo”.

Assim que Jesus foi batizado, saiu da água. Naquele momento os céus se abriram, e ele viu o Espírito de Deus descendo como pomba e pousando sobre ele. Então uma voz dos céus disse: “Este é o meu Filho amado, em quem me agrado”. (Mateus 3:16,17)

 

Você e eu precisamos, assim como Jesus, ter nossa identidade firmada em Deus. Às vezes, isso pode não ser fácil, mas para ajudá-lo nisso você pode ser participar do Seminário A PERGUNTA.

 

Marcelo Giovenardi está envolvido com trabalho de edificação de casais e famílias desde 2004 ministrando em retiros casais e congressos de família e atuando como coordenador do Veredas Antigas e facilitador de diversos cursos da UDF, Aliança, Crown, Educação de Filhos e Hombridade.

16 Flares Twitter 0 Facebook 16 16 Flares ×